sábado, 5 de fevereiro de 2011

Uma parte de mim




Uma parte de mim não me deixa sossegado.
Uma parte de mim deseja acabar com todo o silêncio que nos envolve.
Uma parte de mim queria-te dizer ao ouvido a palavra que descreve o que sinto mas os meus lábios congelam e não conseguem pronunciá-la por mais que tente.

Sinto-me fraco porque hesito e ignoro a minha vontade. Talvez eu já não saiba o significado inteiro dessa palavra mas ainda não a consigo apagar do meu vocabulário. Ainda continuo a gastar linhas no meu caderno a tentar revelar cada pormenor da importância que essa palavra ainda tem para mim.

Eu podia continuar a fingir que já não te quero mas ainda penso em ti. Continuo a pensar em ti porque ainda não me habituei a fazer o contrário e ainda não consegui preencher o vazio que ficou. Continuo a pensar em ti porque um dia sonhei alto. Sonhei que podia fazer parte da tua vida e acordar ao teu lado todas as manhãs. Sonhei que podiamos compensar o tempo perdido. Foi apenas um sonho?

Uma parte de mim não aceita desistir.
Uma parte de mim precisa de te ouvir dizer que não vale a pena, que foi ilusão da minha parte e que nada faz sentido para ti.

A..-te?

Imagem: darkhairedgirl

Sem comentários:

Enviar um comentário